Grace Gianoukas realiza a última apresentação do Terça Insana

26

Em entrevista para a Cool Magazine, a atriz fala sobre adaptação dos palcos com público para o modelo drive-in

Texto: Barbara Massari

Foto: Divulgação

Uma das grandes estrelas da comédia brasileira, a atriz Grace Gianoukas se reinventa nesta pandemia com sua Terça Insana, espetáculo de humor que completa 18 anos, e também com a novela Salve-se Quem Puder na Globo, na qual dá vida à personagem Dona Ermelinda, a Ermê.

Com o mundo sendo adaptado, não foi diferente com o espetáculo Terça Insana. Hoje sendo apresentado em um espaço de Drive-In, promovendo um encontro, ainda que distante, com o público. E com o sucesso da apresentação no Drive-In da Arena Estaiada, no Real Parque, em São Paulo, Gianoukas decidiu retornar ao espaço para encerrar as apresentações deste 2020 do projeto que, neste ano, comemorou 18 anos de trajetória artística.

A última apresentação será terça-feira (11/08) e contará com as participações de nomes como Agnes Zuliani, Darwin Demarch e Rita Murai, além da própria Grace, que dirige o projeto. Com duas sessões marcadas para às 19h30 e às 22h, Terça Insana tem ingressos a R$ 100,00 com a capacidade de até 100 carros por sessão – com quatro espectadores por veículo.

Foto: Divulgação

A Cool Magazine bateu um papo com Grace que falou sobre as adaptações da peça, os novos personagens, os impactos que a pandemia teve no setor cultural e contou mais sobre as novidades que estão por vir. Confira!

COOL: Qual é o sentimento nesse momento de estar realizando a última apresentação do Terça Insana de 2020?

Grace: É um sentimento duplo para ser sincera. Por um lado, é uma pena, pois tínhamos uma série de apresentações em vários lugares do país, além de apresentações em Portugal. Estava tudo fechado para fazermos o Terça Insana Especial 18 anos, comemoração essa que faríamos com os nossos fãs. Mas, por outro lado foi inovador, pois desde que surgiu essa proposta de fazer apresentação em drive-in, achei um grande desafio, mas resolvi topar. Acho muito interessante experimentarmos novos formatos e pelo momento que estamos passando é uma excelente solução. As pessoas que curtem o nosso trabalho aqui em São Paulo, que querem sair um pouco desse confinamento, tem a opção de dar uma gargalhada e se sentirem seguras.

COOL: Como foi a adaptação dos palcos com público para o modelo Drive-In?

Grace: Como usávamos vários recursos, com essa adaptação tivemos que abrir mão de uma série de coisas que costumávamos ter, como bastidores, camarim, etc. Tivemos que adaptar tudo para que as câmeras pudessem reproduzir no telão, que fica atrás da gente, pois as pessoas no drive-in ficam mais distantes do palco. Apesar das limitações, pois é um ambiente novo pra nós, está sendo uma delícia! Rola muitas brincadeiras dos personagens voltadas ao isolamento social, é bem divertido, pois temos uma interação grande com o público.

COOL: Considerando o grande impacto que a pandemia teve no setor cultural, você como artista, como você lidou com essa quarentena?

Grace: Teve um impacto muito grande em várias áreas, como o turismo, beleza e principalmente o cultural. Nós, do setor cultural, ficamos bem preocupados um com os outros, pois sabemos que na nossa área ganhamos por jobs. Como a novela que eu estava fazendo (Salve-se Quem Puder, transmitida pela Rede Globo) foi suspensa as gravações, então tive que ficar em isolamento social em São Paulo. Tive a oportunidade de reler as coisas que escrevi, participei também de algumas lives com mulheres artistas que estão inseridas no cenário cultural, além das lives da Terça Insana que foram sensacionais. Fiz também uma série para o Multishow chamada “Vai Passar” que foi muito bacana, dirigida pelo Sílvio Guindane e produzida pela Floresta.

COOL: Para você o que será o teatro pós-pandemia?

Grace: Depois da pandemia vai ter uma situação bastante difícil no Brasil, na verdade, já está sendo. Muitas empresas fecharam e não tem nem previsão de abertura, milhares de pessoas ficaram desempregadas e por estarem instáveis financeiramente, elas não terão tanto dinheiro para investir na cultura, pois darão prioridade para assuntos mais urgentes, para se reerguer pós-pandemia. As pessoas amam sair, isso de fato. Mas aquelas que amam teatro, continuarão a frequentar teatro, independente do seu formato. Nós artistas precisaremos usar toda a nossa criatividade e o drive-in veio como uma excelente opção para nós artistas continuar fazendo nossa arte.

COOL: Quais hábitos, conceitos e valores que não eram tão presentes na pandemia, mas agora são?

Grace: Acredito que um dos valores mais importantes que estão sendo reatados nessa pandemia é a reaproximação, a conexão com as pessoas que gostamos, com nossa família, amigos, etc.

COOL: Quais são seus projetos futuros?

Grace: Vamos lá! Realizar a última apresentação hoje da Terça Insana no ano de 2020, encerramos esse ano com muitíssima alegria!

Em seguida, parto para o Rio de Janeiro, onde vou ficar até o ano que vem para terminar Salve-se Quem Puder, novela que estava fazendo e foi suspensa as gravações por conta da pandemia, mas que agora serão retomadas para fazermos uma segunda temporada. Estou com muita saudade e vontade de começar a gravar novamente, saudade enorme dos meus colegas, de toda a nossa equipe. Eu gosto muito de trabalhar, pois, a cada dia que passa é um aprendizado novo, um desafio, é uma nova coisa que tenho conhecimento.
Já para o ano que vem, estreio meu novo espetáculo chamado “Estado de Grace”, é uma tragicomédia onde reúno várias coisas que escrevi ao longo desses anos e que nunca consegui colocar na roda. Vai ser um solo bem engraçado, que vai falar de inovação, resgatar sentido da vida, além de muitas novidades. Será dirigido pelo Roberto Camargo.

Nós sempre precisamos adaptar nossos planos, pois estamos vivendo um momento no mundo onde não dá para fazermos planos a longo prazo que sejam estáticos, todos tem que ser adaptáveis. Essa sabedoria que nós temos que ganhar com essa pandemia.

TERÇA INSANA – 18 ANOS
Data: 11 de agosto, terça-feira
Horário: 19:30 e 22h
Local: Drive In Arena Estaiada
Informações: 11-992452923
Vendas: https://www.arenaestaiada.com.br
Valor: R$100,00 por carro (limitado a 4 pessoas por veículo)
Classificação indicativa: 16 anos
Produção e realização: VENTILADOR DE TALENTOS