Taj Lake Palace

1

 

Considerado um dos destinosmais românticos da Índia, Udaipur é conhecida como a cidade dos lagos ou a “Veneza do Oriente” e pertence ao estado do Rajastão, uma das regiões mais turísticas,coloridas e bonitas do país. Além dos vários lagos que a atravessam, e que lhe deram a alcunha, possui vários palácios reais que hoje se transformaram em hotéis, para a alegria dos viajantes.

Localizado em uma ilha privada no meio do Lago Pichola, o hotel Taj Lake Palace é um dos majestosos monumentos do Rajastão. Formalmente conhecido como Jag Niwas, foi construído no século 18 sobre uma base natural de rocha de quatro acres (16 mil m2) pelo Marahana Jagat Singh II para ser o palácio de verão da Dinastia Real de Mewar. Além do Lake Palace, ainda há mais três palácios da família real: o City Palace costumava ser a residência oficial nos meses de inverno e o Monsson Palace, também conhecido como Sajjan Garh – situado no topo da colina – era usado durante as estações das monções, enquanto o Jag Mandir funcionava como palácio de lazer.

O palácio de mármore branco parece flutuar nas águas calmas do lago Pichola. Muitos detalhes na arquitetura e decoração refletem as diferentes preferências artísticas dos residentes reais, como as arcadas, as torres, os pátios internos e as peças de época.

A atmosfera elegante e intimista do Taj Lake Palace também imperar em seus 66 quartos e 34 suítes que possuem vistas do lago com os montes Aravalli ou City Palace de pano de fundo. As suntuosas “suítes reais” oferecem um encontro com o estilo de vida e as tradições dos antigos governantes dos reinos do Rajastão.

A suíte Chandra Prakash (Luz da lua) possui um clima acolhedor, com lustres amarelo-ouro que iluminam suavemente o ambiente decorado com molduras douradas, pisos de azulejos amarelos com formato de diamantes e afrescos no teto, enquanto a suíte Kamal Mahal, que significa Palácio de Lótus, faz uma alusão à beleza da flor que é considerada um símbolo de pureza espiritual na Índia.

Inspirado nos salões reais usados para banquetes com música clássica indiana, o restaurante Neel Kamal serve especialidades da culinária rajastani e indiana, como o delicioso Thali, ou “prato feito”, que pode ou não ser vegetariano. Consiste basicamente de pequenas porções de arroz aromático, subji (vegetais cozidos), dahl (uma mistura de diferentes tipos de lentilhas), além do yogurt e do pão indiano chapati. Em ambiente informal com vistas para o lago e para o City Palace, o Jharokha oferece uma variedade de iguarias do mundo com toque mediterrâneo e asiático. O hotel também organiza jantares privativos nos terraços ou nos jardins do pátio em que o marajá costumava saudar o início da primavera.

Para um inusitado momento de relaxamento da mente e do corpo, o Jiva Spa oferece a opção de um romântico tratamento para casais em um barco ancorado próximo ao hotel. Após a terapia, o casal pode relaxar no deck enquanto aprecia a agradável paisagem. Os tratamentos são baseados na medicina ayurvédica e aromaterapia indiana. A experiência de se hospedar em um palácio não estaria completa se não fosse pelo excepcional serviço. A atenção aos detalhes e a cordialidade dos funcionários fazem parte da filosofia do prestigioso grupo indiano Taj Hotel Resorts & Palaces, que desde 1971 administra o hotel. A rede possui 93 hotéis em seu portfólio, sendo quatro palácios icônicos na Índia, como o Rambagh Palace, em Jaipur, o Umaid Bhawan Palace, em Jodhpur, o Falaknuma, em Hyderabad, além do Lake Palace.

Mais informações: www.tajhotels.com

Por Alessandra Leite

Foto: Divulgação