CASA VIEIRA SOUTO – CHAMPANHERIA, WINE BAR E COZINHA SIMPLES E AUTORAL

2

[doptg id=”376″]

Referência na cidade por abrigar o italiano Vieira Souto, em Ipanema, o casarão preservado de esquina com a rua Farme de Amoedo chega ao final de 2014 em novo momento. Passa a chamar-se CASA Vieira Soutoganha decoração despojada assinada por Bel Lobo, uma champanheria e cozinha comandada pela chef Luciana Plaas, com suporte do chef veterano Claudio Mendonça (responsável pela excelência da cozinha do Vieira Souto desde o início). O segundo andar ganha um wine club sob a direção do expert Alexandre LalasEntra em cena, portanto, um espaço de gastronomia simples e saborosa, típica dos restaurantes onde os chefs emprestam assinatura autoral, uma oferta de vinhos dos melhores e uma bela carta de drinques à base de espumantes, em três ambientes distintos e muito confortáveis.

Da cozinha saem cerca de 20 sugestões fixas, onde se destacam a excelência na execução, o frescor dos ingredientes, muitos deles orgânicos, e as receitas variadas, que fogem de rótulos. São apostas que Luciana Plaas aprimorou cozinhando para os bons amigos e aprendeu ao longo do tempo, como as linguicinhas com melaço e gergelim (R$ 23). Algumas entradas caem ainda melhor na champanheria, idealizado tanto para a espera por um lugar no salão quanto como destino, para clientes que querem passar todo o tempo por lá. É o caso do gravlax de salmão com aneto, creme azedo e torradas de foccacia (R$ 35) e das vieiras no coral, com purê de ervilha e vinagrete de hortelã (R$ 55).

No cardápio, chamam atenção pratos como rabada desfiada com polenta de trigo taragna e agrião (R$ 59), a moqueca baiana com peixe do dia (R$ 52), o lombo de bacalhau com húmus e tapenade (R$ 69) e o espaguete com frutos do mar (R$ 59). Sem compromisso, os frequentadores poderão optar ainda por alguns dos especiais de Luciana, presentes sobretudo nos finais de semana, como o curry vermelho tai com camarão e arroz basmati (R$ 59), o picadinho (R$ 42), o arroz de pato (R$ 55) ou o bobó de camarão (R$ 65).

Entre as sobremesas, vale experimentar o cheesecake de goiaba (R$ 23), a torta de duas musses (R$ 23) e a salada de frutas boleadas com lichia e flor de laranjeira (R$ 15). Simples como deve ser, o pudim de leite (R$ 15) é tradicional, e vem com uma pitada esperta de fava de baunilha. Não poderia faltar também uma esfera de chocolate repaginada — sai o chocolate belga para entrar o AMMA, marca referência nos que diz respeito ao bom chocolate brasileiro —, e assim uma herança de respeito a um dos principais hits do antigo local.

Wine club

O movimento continua no andar de cima, um espaço versátil, aconchegante e relaxado dedicado especialmente aos apreciadores do vinho. Um ambiente que combina experiência — são cinco Enomatics com vinte vinhos em prova, mais uma carta bem-cuidada com ênfase nos vinhos naturais de origem francesa, italiana e nacional —, lazer e momentos de estudo, com direito a livros, cursos e degustações. Mas a ideia da sala não para por aí. Surge para abrigar ainda clientes do restaurante que querem tomar um vinho de sobremesa ou mesmo finalizar uma garrafa não terminada, em um circuito despretensioso como acontece nas boas casas.

 

Avenida Vieira Souto, 234, Ipanema. Tel.: 2267-9282/2267-0468. 70 lugares. De terça à sexta-feira, de 19h à meia-noite; sábado, de 12h à 1h; e domingo, de 12h às 18h. Fecha às segundas. CC todos. Manobrista.www.casavieirasouto.com.br