Algar Aviation apresenta Piaggio Avanti EVO e TBM 900 na Labace

08 ago, 2014

A Algar Aviation, braço de aviação do grupo Algar, estará presente na 11ª edição da Labace, maior feira de aviação executiva da América do Sul. Para o evento, que acontece nos dias 12, 13 e 14 de agosto, no aeroporto de Congonhas, a empresa vai levar os dois modelos de turboélices recém-chegados no mercado: o TBM 900, da Daher-Socata, que já está com 5 unidades vendidas pela companhia, e o Piaggio Avanti EVO.

Os visitantes da feira que passarem pelo estande da Algar Aviation poderão conhecer de perto o Piaggio Avanti EVO, aeronave apresentada em maio, na Suíça, durante a EBACE. O modelo traz uma série de atualizações para aumentar a eficiência, reduzir custos operacionais e proporcionar maiores níveis de conforto para os passageiros. Com uma velocidade de 402KTAS, o Avanti EVO apresenta mudanças aerodinâmicas para melhorar sua eficiência, incluindo winglets, escapamento dos motores, nacelles redesenhados e asa dianteira remodelada, o que resultou no aumento de desempenho em subida de 3% e diminuição do ruído interno em 20% em quase 70% o externo.  O Avanti EVO ainda conta com novo trem de pouso de baixa manutenção, novo “steering” digital, iluminação LED interna e externa e é equipado com anti-skid.

O TBM 900 é o outro modelo que estará exposto no estande da Algar Aviation. Lançada também nesse ano pela Daher-Socata, a aeronave monomotor turboélice mais rápida do mercado possui eficiência de jato, cabine otimizada para passageiros e pilotos e um desempenho superior sem um consequente aumento de consumo. Entre as novidades estão a otimização aerodinâmica por meio de instalação de Winglets, modificações no estabilizador vertical e novo cone de cauda e novo pedestal central que incorporou uma manete única integrando controles de hélice e potência, associado a um novo limitador de torque que possibilita o uso de 850 hp na decolagem. Sua velocidade máxima de cruzeiro foi aumentada para 330 KNOTS a 28 mil pés, e seu alcance máximo foi estendido para 1730 milhas náuticas com cinco passageiros adultos, como resultado da redução do consumo de combustível para apenas 140 Litros por hora de voo.

 

Por Lara Müller
Foto: Divulgação 

Posts relacionados

Deixe uma resposta